terça-feira, 8 de setembro de 2009

Na Sombra da Noite, J. R. Ward








Título Original: Dark Lover
Autoria: J. R. Ward
Colecção: A Irmandade da Adaga Negra – Vol. I
Editora: Casa das Letras
Nº. Páginas: 426
Tradução: Fernando Villas-Boas


Sinopse:

Nas sombras da noite da cidade de Caldwell, em Nova Iorque, trava-se uma guerra territorial entre vampiros e seus caçadores. Ali existe um bando secreto de irmãos sem igual – seis guerreiros vampiros, defensores da sua raça. Mas nenhum deseja mais a morte dos seus inimigos do que Wrath, o chefe da Irmandade da Adaga Negra...
Único vampiro de puro-sangue que resta no mundo, Wrath tem contas a ajustas com os matadores que lhe levaram os pais, séculos atrás. Mas quando um dos seus mais estimados combatentes é assassinado – deixando orfã uma filha meio sangue desconhecedora da sua herança e do seu destino – Wrath tem de tratar do acolhimento da bela fêmea no mundo dos não-mortos...
Transtornada por uma inquietude no seu corpo que não conhecia, Beth Randall não tem defesas contra o homem perigosamente excitante que vem visitá-la durante a noite, com os olhos encobertos. As suas histórias da irmandade e sangue assustam-na. Mas o seu toque acende uma fonte crescente que ameaça consumir ambos...

Opinião:

Devo começar por dizer que comprei este livro com algumas reservas. Sou grande amante de literatura vampírica e todo e qualquer universo que os envolva. Acostumei-me a ler Anne Rice desde muito nova e actualmente vejo-me cada vez mais de pé atrás quando encontro uma obra nova que os tenha como tema de foco, tudo porque, se olharmos para as prateleiras das livrarias de hoje em dia, com todo o fenómeno Twilight, está complicado retirar o vampirismo das estantes e com tanto livro (nem todo bom) uma pessoa já não sabe em que “confiar”. Contudo, este não me desiludiu nem um bocadinho.

Wrath é uma personagem fascinante, morto por dentro devido ao assassinato prematuro dos pais e, de um momento para o outro, de futuro comprometido ao ter a seu encargo a filha meio sangue de um dos guerreiros por quem nutria respeito. Caracterizado como arrogante, revoltado e solitário, ao encontrar Beth, ele torna-se tudo menos isso. É maravilhosa a forma como J. R. Ward nos mostra a reviravolta que Beth provoca na vida e personalidade dele, e como tão facilmente está claro que eles nasceram um para o outro. Mas atenção, Na Sombra da Noite não é um romance e muito menos amorosamente romântico. Tem o seu lado querido e atencioso, descrito com muito sangue e acção à mistura, e é esse conjunto que o torna tão especial e único.

Uma obra com uma escrita muito simples e fluída, cativante desde a primeira página até à última, com personagens maravilhosamente construídos e caracterizados e situações de tirar o fôlego. Com um teor erótico fortemente presente, não aconselho esta leitura aos mais sensíveis nessa matéria, aos que não se importam digo apenas: por favor, não deixem escapar esta leitura das vossas estantes!
Estou ansiosa pelo segundo volume, Love Eternal. Já dei uma vista de olhos na versão original mas decidi acalmar e esperar pela tradução que não deve tardar a aparecer no primeiro trimeste do próximo ano. Até lá... Vou-me entretendo com outras leituras. :)

Nota: Este é o primeiro volume de uma série espantosa. J. R. Ward recorre a sete livros para descrever as cicatrizes, problemas e amores dos seis irmãos da Irmandade da Adaga Negra e o companheiro humano que eles recrutam logo nesta primeira obra. Com uma caracterização geral de todos os irmãos, ficamos logo a conhecer alguns dos seus vícios e problema mais sérios. Eu já tenho o meu “preferido”, e tu?

Deixo ainda um destaque para o impressionantemente atractivo design de capa e tradução. A revisão, no entanto, deixa muito a desejar. Encontrei bastantes erros durante todo o livro e às duas por três já estava a enlouquecer com tantas gafes, fora isso, um muito bom trabalho conseguido. Um livro que recomendo.

6 comentários:

Sara Inês disse...

Olá :)

Eu também gostei bastante do livro! Confesso que ao ínicio também estava um pouco de pé atrás. Como tu própria dizes, os vampiros sairam para a ribalta agora, e nem todos os livros são bons...

Maria Manuel disse...

Parabéns pelo blogue. Está muito bonito e é um blogue que vou seguir.
Boas leituras :)

Diana Barbosa disse...

Vim espreitar o teu blog muito giro :D

Diana
http://refugio-dos-livros.blogspot.com

Angela disse...

Olá! :)

Para ser sincera comprei este livro sem pensar duas vezes e sem olhar para o conteúdo e quando cheguei a casa pensava que me iria arrepender mas não, amei o livro e não o consegui largar.
Assim como tu também tenho a minha personagem preferida!
O blog teu é excelente :D

Sandra disse...

Estava a pensar comprar esta saga...em portugues só tem 3, vai sair os restantes? jinhus

Pedacinho Literário disse...

Eu gosto muito desta saga, Sandra. Se bem que fiz uma pausa em J.R. Ward devido um pouco ao género (entretanto lançaram outras autoras) e ao tema, também.
Já saíram 5 livros. Por ordem: "Na Sombra a Noite", "Na Sombra do Dragão", "Na Sombra do Pecado", "Na Sombra do Desejo" e "Na Sombra do Sonho". Este último saiu muito recentemente pelo que não tenho dúvidas de que a editora vai continuar a apostar na série.

Beijinho

2009 Pedacinho Literário. All Rights Reserved.